Pular para o conteúdo principal

Dia Internacional do DJ: rotinas diferentes em tempos de pandemia

O mês de março marca um ano da paralisação do setor de eventos no mundo, devido a pandemia de Covid-19. E nesta terça-feira (9), é comemorado o Dia internacional do DJ, elemento principal de uma boa festa, ou um bom "rock", como diz a gíria capixaba.

Álice durante uma live em um local isolado durante a pandemia. (FOTO: Divulgação/Matahari Fotografia)
As dificuldades da profissão são muitas neste período principalmente, com as rotinas diferentes e sem festas. No Espírito Santo, assim como em todo o Brasil, grandes eventos e casas que tem DJs entre as atrações, a exemplo da Equilibrium Festival, Cafe de La Musique Guarapari e P12, ainda não tem condições de serem realizados e reabertos.

A música eletrônica é o quinto gênero musical mais escutado no mundo, de acordo com o International Music Summit (IMS), mas tem uma ótima relação com o pop, que está no topo desta lista. Os dois estilos têm diversos elementos semelhantes e é muito comum ver hits do pop ganhando remixes para as pistas de dança.

Em tempos de distanciamento, sem eventos físicos, a tecnologia tornou-se aliada dos artistas, junto com o poder das redes sociais. Muitos artistas acreditam que a pandemia acelerou o consumo digital.

A DJ Álice, 22 anos, por exemplo, focou nas mídias sociais para apresentar seus trabalhos ao público. Em 2020, a capixaba realizou duas lives que trouxeram bons resultados e em fevereiro lançou a música autoral Feel It Tonight.

Álice afirma ter muitos planos para o decorrer de 2021. "Tenho muitos planos para esse ano, mas alguns deles vão depender de como vai ser o futuro tendo em vista que estamos em pandemia. Mas fora dos palcos, pretendo focar mais ainda nas produções e nas futuras estratégias de marketing", contou em recente entrevista.

Destaque internacional
A DJ Monia Lombardi, 33, também em fevereiro, foi destaque no site e nas mídias da DJaneMag, revista on-line londrina especializada e dedicada a todas as DJs mulheres do mundo, com o lançamento da música This Moment.

Além de Álice e Monia, muitos outros nomes da cena eletrônica capixaba fazem sucesso dentro e fora do Estado: Jess Benevides, Thito Fabres, Nith, Jessica Mallmann, Quadrini, Locatelli, Adria Beloti, Brunelli, Rabannada, Paolla B, Lowez, entre outros.

A data
Desde 2002, o dia 9 de março se tornou o World DJ Day no calendário internacional. A ideia de criar um dia para celebrar a profissão partiu de duas instituições: a World DJ Fund e a Nordoff Robbins Music Therapy, esta última uma organização inglesa que usa a música para tratamento de adultos e crianças doentes.

Comentários

Mais lidas

Para tirar o pé do chão: Felipe Peó lança o EP "É no Forró"

My Magical Glowing Lens em festival feminista em Mossoró

Festival Pretativa lança o EP "De Dudu pra Dudu"