Pular para o conteúdo principal

Vitória Festival promete agitar o fim de semana dos capixabas em Vila Velha

Neste sábado (19), acontece o maior festival de rap do ES, o Vitória Festival, que terá mais de 25 atrações. Entre elas estão 10 artistas nacionais e muitos outros talentos capixabas. O evento vai ser realizado na Fazenda Camping, que fica localizada na Barra do Jucu, em Vila Velha.

O rapper Cesar MC é uma das atrações capixabas do festival. (FOTO: Divulgação)
O festival promete trazer uma estrutura sensacional e uma experiência única para os capixabas.  Além disso, o início será às 17 horas do sábado e só acaba às 06 horas da manhã do outro dia! Já deu para perceber que será bem agitado né?

No line up do evento estão: Orochi (RJ), Teto (BA), Chefin (BA), Cesar MC, Oruam (RJ), Hyperanhas (SP), PK Freestyle (RJ), WC no Beat, PL Quest (RJ), Bielzin (RJ), Start Rap (RJ), VK Mac, Renan, batalha de rima Mar de Monstros e os DJs Matheus Alves (RJ), Tibery, Bero Costa, Beleite e Cariello.
  
Ingressos
Os ingressos ainda estão disponíveis no site Superticket, e vale lembrar que a classificação do festival é de 18 anos. Se você ainda não comprou o seu ingresso, aproveite e acesse o link agora mesmo para conferir os valores e garantir o seu! 

Para acompanhar todos os detalhes do Vitória Festival é só seguir o perfil do evento no Instagram. Por lá, estão sendo divulgados todos os detalhes sobre as atrações e também informações de como vai acontecer o evento. Vale a pena conferir.

O videoclipe Eu Sou Favela  (2020) reuniu Cesar MC, VK Mac e Tibery, capixabas que estão entre as atrações do festival:

Serviço
Vitória Festival
Data e horário: 19/mar (sábado), a partir de 17h
Local: Fazenda Camping -  Rodovia do Sol, Km 19, 2231, Barra do Jucu, Vila Velha
Ingressos: R$ 100 (meia/5º lote) e R$ 200 (inteira/5º lote)
Classificação: 18 anos

Comentários

Mais lidas

Samba e pagode para curtir a estreia do Brasil na Copa do Mundo

Marien Calixte Jazz Music Festival neste fim de semana, em Vila Velha

Roberto Carlos foi um dos últimos a falar com Erasmo Carlos: “Minha dor é muito grande”