Pular para o conteúdo principal

Points do verão: belezas naturais nas Ilhas Itatiaia e Pituã, em Vila Velha

As ilhas da orla de Vila Velha são ideais para os amantes da natureza. A ilha de Pituã, e o arquipélago de sete ilhas de Itatiaia, próximas da praia de Itapuã, tem atraído muitos visitantes e turistas e estão bombando no verão capixaba. Nos arredores, o mar transparente, os corais e os peixes proporcionam um delicioso mergulho para apreciar a fauna marinha.

A água cristalina das piscinas naturais em Itatiaia. (FOTO: Gustavo Andrade/OMMC)
Localizada a cerca de um quilômetro da orla de Itapuã, Itatiaia é um arquipélago formado por sete ilhas, sendo que a maior delas, a Boqueirão, é a mais frequentada. A ilha Pituã fica a um pouco mais de 200 metros da areia e pode-se facilmente chegar até ela de barco, ou até mesmo a nado.

Muitos barqueiros e pescadores fazem a travessia e o valor médio é de R$ 40 por pessoa nas Ilhas Itatiaia, e de R$ 20 por pessoa na ilha de Pituã, sempre ida e volta. É importante ressaltar que se deve levar tudo o que for precisar, entre alimentos, bebidas e guarda-sol, e utilizar de acordo com as regras de visitação.

A equipe Jamaica é um dos grupos que fazem turismo náutico na região. A travessia deve ser agendada com antecedência através do (27) 99723-5038, e o grupo funciona entre 8 e 17 horas. Evan Halei, um dos responsáveis destaca, ao falar das ilhas disse "que em Vila Velha existe um paraíso para se fazer um passeio e conhecer".


Normas de visitação
O site da Associação Vilavelhense de Proteção Ambiental (Avidepa), entidade respeitada com uma vasta experiência na área ambiental, como na conservação das ilhas e da restinga ao longo da orla do município, disponibiliza algumas normas para a visitação das ilhas.

• O desembarque nas ilhas é livre, sendo que há restrições durante o período de reprodução;
• Não é permitido fazer acampamentos, fogo, churrasqueiras nem cortar a vegetação;
• Deve-se caminhar pelas pedras;
• A pesca só é permitida se estiver de acordo com a lei em vigor;
• Deve-se recolher todo lixo produzido em uma sacola e leva-lo de volta à terra.

Das ilhas se tem uma bela vista para a orla de Itapuã. (FOTO: Gustavo Andrade/OMMC)
Em dezembro, a Prefeitura de Vila Velha fez a instalação de placas informativas contendo as orientações de uso do local. "Realizamos uma capacitação com os barqueiros que realizam o translado para as ilhas com intuito de prepará-los para que as atividades sejam realizadas de forma responsável e sustentável durante o verão. São eles que estão em contato direto com os turistas e podem reforçar as orientações, contribuindo com o trabalho de educação ambiental e de fiscalização, dando suporte à Prefeitura inclusive quando for necessária intervenção no local", destaca Manuela Batista, coordenadora de educação ambiental da cidade.

Reprodução de aves marinhas
As visitas às ilhas Itatiaia são feitas apenas de 15 de outubro a 15 de abril, de acordo com a Resolução Consema 11/2015. Essa data é devido ao período de defeso, época de reprodução das espécies marinhas e de aves. E, mesmo dentro da data permitida, as condições climáticas e do mar podem impedir que os passeios aconteçam.

O arquipélago das Ilhas Itatiaia, por exemplo é o local de reprodução das andorinhas-do-mar-de-bico-amarelo, andorinhas-do-mar-do-bico-vermelho e pardelas-de-asa-larga, espécie ameaçada de extinção, que só se reproduz nessas ilhas do Estado e em duas ilhotas de Fernando de Noronha, em Pernambuco.








Comentários

Mais lidas

Agenda Capixaba #56

Agenda Capixaba #48

Clássicos da música com Flashback e Faixa Bônus no Clube Arci