Pular para o conteúdo principal

Santa Leopoldina comemora 134 anos com programação virtual

O munícipio de Santa Leopoldina comemora no próximo sábado (17), 134 anos de emancipação, e devido a pandemia de Covid-19, a prefeitura da cidade preparou uma festa com programação virtual.

O evento começou nesta quinta-feira (15) e ocorre até o próximo domingo (18). A programação será disponibilizada pelas redes sociais da Prefeitura de Santa Leopoldina, mais precisamente no Facebook e no Instagram.

Monumento ao Imigrante, na sede de Santa Leopoldina. (FOTO: Divulgação/PMSL)
Abrindo a programação, o escritor leopoldinense Adriano Lima Neves contou como foi o processo de Emancipação Política de Santa Leopoldina. Esta é mais uma importante recordação da linda história da cidade.

História
Santa Leopoldina fica localizada na Região dos Imigrantes do Espírito Santo e é conhecida como a cidade "Filha do Sol e das Águas". A população em 2020, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é estimada em 12.197 pessoas. 

A cidade é conhecida como uma das primeiras colônias do estado. O município é bastante conhecido em literaturas, como no livro O Cannã de Graça Aranha (MA) e pelo seus filhos ilustres, como: Jair Amorim Ubaldo Ramalhete Maia.

Por seu grande valor histórico, o município faz parte das rotas turísticas, como a Rota do Imigrante e a Rota Imperial. A cidade é conhecida por ter o melhor carnaval de rua da Região Serrana, cuja cultura preserva o velho carnaval de rua, com fantasias e marchinhas de época.

Antes da atual denominação, o município já teve os nomes de Porto do Cachoeiro e Cachoeiro de Santa Leopoldina.

Em 1857 chegaram os primeiros imigrantes: suíços, alemães, tiroleses, dentre outros. Três anos depois, Santa Leopoldina recebe a honrosa visita de D. Pedro II, o imperador do Brasil, que escolheu a colônia para início da viagem ao interior da Província do Espírito Santo. Foi a colônia mais populosa do Brasil, emancipada em 17 de abril de 1887.


Programação
-15/abr (quinta-feira)
19h - Palestra sobre a Emancipação Política de Santa Leopoldina, com o escritor Adriano Lima Neves
19h30 - Apresentação do cantor Utieres Rocha
20h - Exposição de fotos antigas

- 16/abr (sexta-feira)
19h - Depoimento sobre a confecção de bonecos gigantes, com o artesão Bebeto Pereira
19h30 - Paródia das professoras Sirley e Scheila

- 17/abr (sábado)
19h - Palavra de benção para a cidade, com o pastor Rodrigo Seidel
19h30 - Louvor com Ivan & Valmir
20h - Valsa de Santa Leopoldina, com Isis & Ivan

- 18/abr (domingo)
19h - Poesia com Karina Sardinha
19h20 - Paródia com Isis Narlla Costa Berti
19h30 - Depoimento histórico por Zelida Aldrigues Lima
20h - Homenagem aos contadores de histórias afro capixabas Fábio Pererê e Viúva Negra

Comentários

Mais lidas

Com nostalgia de bandas californianas, Maré Tardia lança "Linda Estrada"

Jess Benevides lança "Feelings", música autoral para campanha de marca de calçados

Lorelai estreia live em canal de produtora dos Estados Unidos