Pular para o conteúdo principal

Entrevista: Mika Lahass fala do poder das mulheres independentes em "Se Me Der na Telha"

A cantora Mika Lahass, 26, atual melhor cantora solo da principal premiação da música capixaba, acaba de lançar Se Me Der na Telha, que fala da mulher independente que faz o que quer, e bebe onde e quando "der na telha", expressão popular que fala de ocorrer um pensamento, imaginação ou sentimento momentâneo.

A cantora Mika Lahass fala do poder da mulher em nova música. (FOTO: Marcella Neitzel)
A capixaba de Domingos Martins mas que atualmente mora em Vila Velha conversou com o portal O Melhor da Música Capixaba, em uma entrevista exclusiva. Mika Lahass falou sobre a possibilidade da nova música ser um dos hits do carnaval e até das dancinhas gravadas e publicadas nas redes sociais de coreografia criada pela própria artista.

"Eu fico muito feliz porque a minha intenção também era essa, atualmente os hits estão viralizando com as dancinhas nas redes sociais. Ver uma criança, adulto, idoso em fim, qualquer pessoa reproduzindo a coreografia que eu mesma produzi é muito gratificante", conta, aos risos.

No videoclipe, Bella Flor e Elielson Beans dançam junto com Mika. Inclusive a cantora também publicou um vídeo no Instagram dançando na frente da estátua do Buda gigante, que fica no Mosteiro Zen Budista de Ibiraçu, no Norte do Espírito Santo, às margens da BR-101.


ENTREVISTA
Mika Lahass, cantora
OMMC - Se Me Der na Telha vai ser hit do Carnaval?
Mika Lahass - A intenção é começar um novo projeto e um EP com essa música, mas, se acontecer de virar um "hit do carnaval" eu ficaria bem feliz.

OMMC - A ideia da música é reforçar que as mulheres tem de ser cada vez mais independentes?
Mika Lahass - Exatamente. Infelizmente ainda existem mulheres que se submetem ao homem. A ideia da música é de encorajar e mostrar o poder que toda mulher tem, que ela pode usar o que quiser, estar onde quiser, beber o que tem vontade, enfim, lugar de mulher é onde ela quer.

OMMC - Tem pessoas e até crianças dançando a música? Como se sente vendo essa repercussão?
Mika Lahass - Eu fico muito feliz porque a minha intenção também era essa. Atualmente os hits estão viralizando com as dancinhas nas redes sociais. Ver uma criança, adulto, idoso enfim, qualquer pessoa reproduzindo a coreografia que eu mesma produzi é muito gratificante. 

OMMC - Já tem previsão de novos lançamentos?
Mika Lahass - Sim, provavelmente em abril ou maio temos outro lançamento de composição do meu noivo e com um clipe super divertido com participação especial. 

OMMC - Em que patamar você vê a música sertaneja capixaba e o feminejo do ES atualmente?
Mika Lahass - Nosso Estado é banhado de talentos. Eu mesma conheço muitas mulheres que cantam bem e são artistas completas! Acho que estamos em um patamar bem alto e que a qualquer momento irão descobrir esses talentos capixabas que merecem muito sucesso.

"A ideia da música é de encorajar e mostrar o poder que toda mulher tem, que ela pode usar o que quiser, estar onde quiser, beber o que tem vontade, enfim, lugar de mulher é onde ela quer"

A letra da música:
Abaixa esse tom de voz comigo 
E tira esse dedo da minha cara, conversa, conversa
A gente teve uma intimidade
Mas eu não sou sua propriedade, manera, manera

Antes de você eu já saia
Antes de você eu tinha uma vida
Se for pra mudar isso deixa quieto 
Vou ficar melhor sozinha 

Aí eu bebo o tanto que eu quero beber
Aí eu danço o tanto que eu quero dançar 
E se me der na telha 
Qualquer cama é cama pra desarrumar 

Tá pra nascer um malandro pra me controlar 
Tá pra nascer um marmanjo pra me controlar


Ficha técnica
Música: Se Me Der na Telha
Data de lançamento: 16 de fevereiro
Compositores: Matheus Costa, Fausto Carvalho, Leco Rojas e Lucas ING
Produção musical: André Daumas (Estúdio A)
Produção de clipe: Renan Rauta 
Artista/interprete: Mika Lahass 
Participação: Bella Flor e Elielson Beans 
Figurino: John John

Comentários

Mais lidas

Íris Cupertino lança a música "Pouca Roupa", com participações de Reygn, GD e VTbeats

Agenda Capixaba #61

Agenda Capixaba #66: shows, festas e eventos culturais de 21 a 27 de março