Pular para o conteúdo principal

Leticia Chaves valoriza origens afro em novo single "Tempo de Nanã"

Conhecido por seu som mais enérgico com banda, Leticia Chaves traz em seu single de estreia seu outro lado mais intimista e suave com a canção Tempo de Nanã. A letra forte composta pelo próprio capixaba de gênero não binário fala sobre tempo, sabedoria e calma para enfrentar tempos difíceis invocando a força da orixá Nanã, que simboliza águas calmas, mangues e biomas abundantes no Espírito Santo.

Tempo de Nanã é o single de estreia de Leticia Chaves. (FOTO: Flora Fiorio)
Cenários estes que foram aproveitados no clipe gravado pela diretora de arte Flora Fiorio com a dançarina Ângela Diniz, do Coletivo Performance Itinerante. "É uma forma de agradecimento e um convite à calma. Espero que as pessoas escutem e sintam a força que a letra trás pra passar por esses tempos de dificuldade", diz Letícia.

O videoclipe da canção foi gravado no deck de Maria Ortiz, em Vitória, valorizando os pontos turísticos capixabas. 

Além disso, Letícia afirma que a escolha da dançarina para representar Nanã no videoclipe e a cor roxa presente nos elementos visuais foram cuidadosamente pensadas para contar a história da lenda de Nanã e construir essa atmosfera mística e espiritual.
 
A capa do single foi feita por Diego Santos, artista plástico que tem em sua trajetória muitos retratos de orixás. Diego usa da sua arte para explorar a sua espiritualidade o que também casa com os ideais de Letícia.
 
A música foi produzida pelo cantor capixaba e também engenheiro de som Daniel Silva que conseguiu retratar com sonoridade juntamente com a percussionista Giovana de Oliveira o elemento da água que é a cama que traz a calmaria nesse projeto.

Sobre Leticia
Letícia Chaves é um cantor, compositor, não binário, preto de 33 anos e natural de Vitória. Seu som autointitulado afro groove, é uma mistura dançante e empolgante de referências do jazz e da música afro. 

Letícia acredita na música e no seu canto como instrumento de cura para ele e para todos que o ouvem.  Com suas letras ele procura entregar a mensagem de inspirar pessoas pretas, LGBTQIA + a se empoderar.


Ficha técnica
Música: Tempo de Nanã
Data de lançamento: 23 de setembro (fonograma) e 24 de setembro (videoclipe) 
Produção, mixagem e masterização: Daniel Silva
Violões: Daniel Silva
Percussão: Giovanna de Oliveira
Vocais: Letícia Chaves
 Dançarina do clipe: Ângela Diniz 
Direção de arte, filmagem e edição: Flora Fiorio
Arte de capa: Diego Santos

Comentários

Mais lidas

Agenda Capixaba #43

Agenda Capixaba #40

Agenda Capixaba #37