Pular para o conteúdo principal

Joaoeascoisasnaoessenciais antecipa EP de estreia com single "Oh Mãe"

O artista capixaba Joaoeascoisasnaoessenciais segue antecipando seu primeiro EP, Casimira Verde ou Cânhamo. O trabalho solo do músico João Freitas mescla uma gama de referências da música brasileira ao rock, e em Oh Mãe, seu mais novo single, explora nuances da valsa com acordes de guitarra. 

O artista Joaoeascoisasnaoessenciais. (FOTO: André Filipe)
Sintonizando a solidão dos dias atuais na letra, a faixa chega aos principais serviços de streaming pelo selo Caravela, com distribuição da Warner Music Brasil, e ganha um clipe. A música foi produzida, mixada e masterizada no estúdio Oficina por Aroldo Sampaio, e o videoclipe filmado no Beco Studio, ambos em Cachoeiro de Itapemirim.

Oh Mãe se une aos singles anteriores, (Fo-da-se) Já não sou mais o mesmo de ontem e Parabólica. Em comum, as canções têm um diálogo com os tempos atuais, lidando com os efeitos psicológicos do isolamento, da angústia e da sobrecarga de informações e estímulos a cada notificação. 

"Tendo como pano de fundo uma letra que fala de solidão, a música transpassa um sentimento terno, até que certo momento ela expõe toda a angustia e raiva que aquele sentimento traz consigo. Pessoalmente essa música tem um significado diferente, ela fala necessariamente de mim, e expor isso para as pessoas tem um certo grau de importância", entrega João.


Natural de Cachoeiro, Joaoeascoisasnaoessenciais passou a se dedicar à música após uma breve carreira no exército. Agora, ele se prepara para entregar as primeiras canções do seu trabalho solo. 

João assina vocal e guitarra e recebe os músicos Aroldo Sampaio (guitarra e produção musical), Paulo Daniel Ferreira (violoncelo), Lucas Vasques (contrabaixo) e Matheus Mesquita (bateria) em Oh Mãe. Esta e as demais faixas já reveladas estão disponíveis nas principais plataformas de música.

A letra da música:
Há de ser 
Tão só meu 
Que nem pra ti resolvi dar 
 
Meu amor 
Meu afeto 
Meu querer 
 
Oh,mãe !
Como dói 
Ser orgulho e não ceder 
 
Não cedi 
Nem chorei 
Nem sequer pedi perdão
 
E eu sei ...
 
Eu sei que a solidão lhe dói 
E o mar que te rodeia não deixa sentir 
Orgulho, ele só me corrói 
E é só mágoa
 
Eu te ouvi 

Ficha técnica
Música e videoclipe: Oh Mãe
Data de lançamento: 21 de maio
Produção, mixagem e masterização: Aroldo Sampaio
Roteiro: João Freitas e Carol Gasoni
Direção e produção: Carol Gasoni 
Maquiagem: Naomi de Freitas 
Participação especial: Naomi de Freitas
Voz/Guitarra: Joaoeascoisasnaoessenciais
Bateria: Matheus Mesquita 
Contrabaixo: Lucas Vasques 
Violoncelo: Paulo Daniel Ferreira
Guitarra: Aroldo Sampaio 

Comentários

Mais lidas

Agenda Capixaba #44

Musical Prateado comemora 30 anos de sucesso no Espírito Santo com show em Itapemirim

Agenda Capixaba #43