Pular para o conteúdo principal

Rapper Mobutto e GamaGroove lançam primeiro EP

O rapper e jornalista Carlos Mobutto volta ao cenário da música para lançar seu primeiro EP Mobutto vs Mobutto, na próxima quarta-feira (11), nas principais plataformas digitais e no YouTube. O trabalho tem ao todo cinco faixas.

O rapper Mobutto e integrantes da banda GamaGroove. (FOTO: Divulgação/Mobutto)
As músicas do EP transitam por diversas influências sonoras e vertentes da música negra, como o samba, o reggae, o spiritual , funk, dub entre outras. As faixas do trabalho contaram com a participação da banda GamaGroove e Leandro Bonfim (Fusion Dub e Soltos & Prensados) que produziu o beat das música Levanta!.

O trabalho contou também com a participação de músicos como Jeremy Naud, Raul Mesquita (Samba Soul), Manel Fogo (Babulina e Tabacarana), Richardson Piteco (Mofaya) e Alessandro Erdman e Anderson Xuxinha (JavaRoots), que também produziu o EP.

Na data será realizada também, ao lado da banda GamaGroove, uma live com transmissão no canal do YouTube do Red Rock Music Pub.

Músicas
As músicas do EP abordam temas com violência urbana, drogas, preconceito racial e também fala de amor e dos desafios da vida cotidiana enfrentado por qualquer cidadão comum.

Na faixa Levanta!, que também será lançada em videoclipe, o rapper faz uma viagem pelos principais momentos da história moderna e contemporânea. O artista adapta poeticamente uma analogia aos desafios percebidos por ele para concluir que independente das condições impostas pela sociedade, seu maior desafio é contra as crenças impostas pela sua própria mente.

Diante disso, o clipe conta a história de um lutador amador de boxe, interpretado pelo rapper e foi dirigido por Henrique Breciane (Navi Brasil). O lutador interpretado por Mobutto é golpeado e na lona, sua mente o remete à outros duros golpes levados ao longo de sua vida, enquanto tenta recuperar forças para não desistir da luta, sobretudo, da luta que trava consigo mesmo. O trabalho conta com participação de atores e do rapper Sagaz (Suspeitos na Mira).

A música Mãe... é um relato que tem como referência a parábola bíblica do filho pródigo. A música conta com a participação do cantor e baixista Manel Fogo, além de arranjo e teclados de Jeremy Naud. Em Empreitada, o rapper fala sobre o fim de um relacionamento, relativizando o conceito de fim.

Insubordinado faz parte do repertório da primeira formação da GamaGroove e foi apresentada ao público pela primeira vez em 2005. A música com uma pegada mais rock, questiona os critérios que rotulam que canta a música rap e os estereótipos racistas.

Já em Busão, o rapper explora uma letra toda rimada em uma só terminação, com a proposta sonora de uma samba, onde usa de irreverência para falar de drogas, da ação do crime organizado e das manifestações sociais que ocorreram no Brasil, há alguns anos.

Comentários

Mais lidas

OMMC Entrevista: Pimenta Banguela

Congo é sinônimo tradição e cultura no Espírito Santo

Com canções inéditas, My Magical Glowing Lens se apresenta no canal do Sesc Brasil