Pular para o conteúdo principal

Noite marcante para a música capixaba em Vitória

Sessão solene do Dia da Música Capixaba. (FOTO: Gustavo Andrade/OMMC)
Carlos Papel, Elias Wagner, Bruna Olly, Cecitônio Coelho, Jefinho Faraó, Cristian Greik, Filipe Fantin, Gardênia Marques, Stéfano de Moraes, Marcelo Ribeiro, Nano Vianna, Mayara Machado, o grupo Pele Morena, e as bandas Casaca, Macucos e Comichão. Esses são alguns dos nomes, ou melhor, importantíssimos nomes da música do Espírito Santo que estiveram reunidos na noite da última segunda-feira (25), na Assembleia Legislativa (Ales), na Enseada do Suá, em Vitória.

A sessão solene do Dia da Música Capixaba, comemorado no dia 24 de abril - sendo pela primeira vez este ano -, segundo a Lei 10.461/2015, de iniciativa do deputado estadual Marcos Bruno (Rede), lotou o Plenário Dirceu Cardoso, em um momento marcante para a música capixaba. "É um momento de alegria. Um sopro de cultura que lava a nossa alma. Estou feliz de proporcionar esse momento. Realizar essa sessão é uma das satisfações de meu mandato", afirmou Marcos Bruno, em entrevista ao portal Web Ales.

Um dos mestres e inspiradores de várias gerações, o músico Maurício de Oliveira foi lembrado por diversas vezes durante a sessão. Tendo falecido em 1º de setembro de 2009, aos 84 anos, o violonista dá nome a comenda entregue a cantora Bruna Olly; o músico Carlos Papel; Francisco Velasco, do programa 'Eu Sou o Samba' (TVE); Fred Nery, da banda Macucos; José Roberto Santos Neves, secretário-adjunto de Cultura do Estado e; Renato Casanova, da banda Casaca. O filho de Maurício, Tião Oliveira, iria ser homenageado com uma placa, mas não pôde comparecer devido a problemas de saúde. Nomes como Alexandre Lima e Milson Henriques, que enfrentam dificuldades causados por problemas de saúde, não foram esquecidos durante a cerimônia.

Bandas Comichão e Macucos, grupo Pele Morena, Filipe Fantin e Jefinho Faraó estiveram na cerimônia em Vitória. (FOTO: Divulgação)
Além da comenda, músicos e profissionais da área receberam placas e certificados. A Faculdade de Música do Espírito Santo Maurício de Oliveira (Fames), o Grupo Moxuara, a Orquestra Sinfônica do Espírito Santo e a Rádio ES - RTV receberam as placas. O diretor da Fames, Paulo Pelissari, agradeceu a homenagem e disse que a instituição está criando um curso de música popular. "Vai ser um dos primeiros do gênero no País. Em 62 anos de história, a Fames tem cumprido o seu papel de formar músicos de excelência, que tem se destacado no Espírito Santo, no Brasil e em outros países", afirmou ao receber a placa. Outros 28 artistas foram homenageados com certificados. 

Além de Marcos Bruno, estiveram presentes na cerimônia os deputados Edson Magalhães (PMDB), Da Vitória (PDT), Freitas (PSB), Enivaldo dos Anjos (PSD), Raquel Lessa (SD) e Bruno Lamas (PSB). Todos entregaram honrarias a seus homenageados.

Bruna Olly ao lado de seu pai, o Pastor Paulo César, e do deputado estadual Marcos Bruno. (FOTO: Reprodução/Facebook)

Comentários

Mais lidas

Reveja o tempo real: 'Equilibrium Festival'

Equilibrium Festival acontece neste sábado (15), em Vila Velha

Rap e samba: Melanina MCs participam de clipe com Tunico e Martinho da Vila