Pular para o conteúdo principal

Posse de Bernadette Lyra lota Biblioteca Pública do ES

Posse de Bernadette Lyra na BPES. (FOTO: Divulgação/Secult ES)
A escritora capixaba Bernadette Lyra tomou posse como membro imortal da Academia Espírito-Santense de Letras (AEL), na noite da última quinta-feira (28), na Biblioteca Pública do Espírito Santo (BPES), na Enseada do Suá, em Vitória. Ela irá ocupar a cadeira numero 1, sendo a a quinta ocupante da cadeira. O evento contou também com a presença do secretário de Cultura do Estado, João Gualberto, e do subsecretário de Cultura do Estado, José Roberto Santos Neves.

Maria Bernadette Cunha de Lyra nasceu em Conceição da Barra em 1938 e será a quinta ocupante da cadeira, que teve seu mais recente antecessor o ex-professor de Direito da Ufes, escritor e ex-prefeito de Vitória, Ferdinand Berredo de Menezes, falecido em 4 de setembro de 2015. A Cadeira número 1 tem como patrono o padre Manuel Pinto Ribeiro e o seu primeiro ocupante foi o historiador Afonso Cláudio de Freitas Rosa.

Formada em Letras pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), ela fez mestrado em Comunicação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), doutorado em Cinema pela Universidade de São Paulo (USP) e pós-doutorado na Université René Descartes/Sorbonne (Paris V). É autora de livros e artigos sobre cinema e audiovisual, bem como autora várias vezes premiada de livros de ficção, com publicações no Brasil e no exterior. Dos seus 12 livros já publicados, o mais recente romance é "A Capitoa". Teve contos incluídos em coletâneas holandesas e recentemente foi indicada para o prêmio Jabuti.

Apesar de atualmente morar em São Paulo, está sempre em sintonia com a UFES, participando de debates, seminários e eventos culturais promovidos pela Instituição, onde também atuou como professora até 1991, quando se aposentou.

A biblioteca Pública do Espírito Santo ficou cheia para a posse de Bernadette Lyra na Cadeira número 1 da AEL. (FOTO: Divulgação/Secult ES)

Comentários

Mais lidas

5º Festival de Música nas Escolas: votação aberta para decidir vencedores

Viradão Vitória: muita cultura e agito no Centro da capital capixaba

Destaque da cena musical capixaba, Solveris comanda show na SubTrópico

Auri e Zé Maholics mostram a força da cena autoral capixaba em Vitória