Pular para o conteúdo principal

Big Bat Blues Band lança álbum no Festival de Inverno de Domingos Martins

A banda lança o #3 em D. Martins (Foto: Fabricio Zucoloto)
Uma das atrações do Festival de Inverno de Domingos Martins, que termina neste domingo (27), é a Big Bat Blues Band, que se apresenta no sábado (26), às 0h, na praça de alimentação, para lançar o novo álbum, #3. A entrada é gratuita.

O álbum foi disponibilizado para download e audição gratuitos no site da banda em abril, na época da apresentação no Manguinhos Blues & Jazz Festival. O grupo esperou o disco físico ficar pronto para fazer o lançamento, e ele acontecerá no show em Domingos Martins, onde serão disponibilizadas cópias para venda.

O álbum é o terceiro da Big Bat e traz um som mais pesado e noturno do que o segundo trabalho da banda, Haze Hot Blues, que utilizou instrumentos diferentes, como o ukulele e a gaita, e criou um som mais animado e relaxante que #3. O vocalista da banda, Eugênio Goulart, acredita que a mudança veio pela abordagem diferente que o grupo deu à gravação.

“O #3 tá com um som mais forte, mais pesado, é um som mais de dançar. Ele pegou esse clima mais pesado, diferente do segundo, que foi mais relaxante. O segundo tinha gaita, ukulele, já no #3 a gente trabalhou os timbres dos instrumentos. Os timbres da guitarra, da bateria, do baixo e das vozes foram os mais trabalhados. A banda resolve as músicas, elas vão pegando outro clima, principalmente no estúdio. O álbum surpreende por ter estes outros elementos”, conta.

O disco foi produzido por Eber Pinheiro, que trabalha em um estúdio em Nova Iorque e veio ao Brasil para participar do projeto. Eber levou #3 para ser mixado e masterizado nos Estados Unidos, finalizando o álbum com qualidade superior e conseguindo a parceria do músico americano Itaal Shur, vencedor de um Grammy de música do ano, pela composição de Smooth.

“O Eber levou o material para lá, tirou todas as dúvidas com a gente antes e confiamos nele. Foi em um lugar super badalado em Nova Iorque. Estávamos dispostos a gastar uma grana para conseguir uma parceria com alguém, e ele mostrou nosso trabalho para o Itaal, que gostou da música e fez de graça. A gente está conversando com ele para talvez vir fazer algum show por aqui. Fazer esse intercâmbio”, conta Eugênio.
Sobre a aceitação do Blues no estado, Eugênio acredita que os festivais de Santa Teresa e Manguinhos têm ajudado no aparecimento de novas bandas. “Esses festivais, e acho que é uma curiosidade que as pessoas têm, acabaram abrindo espaço para bandas. Várias bandas surgiram pelo estado impulsionadas por esse movimento. Eles são muito importantes porque são nossos”, diz o vocalista.

Big Bat Blues Band é formada por Eugênio Goulart (vocal), Cláudio França (guitarra), Marcelo Maia (guitarra), Paulo Sodré (baixo), Bruno Zanetti (bateria), Larissa Pacheco e Kessy Borges (backing vocal). A banda promete tocar em Domingos Martins um pouco do segundo álbum e depois tocar todo o #3, no show que sucede o da cantora Zélia Duncan (RJ).

O terceiro disco da banda foi mixado em Nova Iorque (Foto: Fabricio Zucoloto)
Fonte: G1 Espírito Santo

Comentários

Mais lidas

5º Festival de Música nas Escolas: votação aberta para decidir vencedores

Viradão Vitória: muita cultura e agito no Centro da capital capixaba

Destaque da cena musical capixaba, Solveris comanda show na SubTrópico

Auri e Zé Maholics mostram a força da cena autoral capixaba em Vitória