Pular para o conteúdo principal

Terço gigante é instalado por fiéis nas palmeiras do Convento da Penha

O terço gigante, que tradicionalmente fica entre as duas palmeiras do Convento da Penha durante a Festa da Penha foi instalado na manhã deste sábado (31). O terço é feito há 20 anos e tem como responsável o médico Osmar Salles, idealizador do trabalho.

O terço gigante é tradição no Convento. (FOTO: Gustavo Andrade/OMMC) 
Vários voluntários participaram da confecção e colocação do terço, como em todos os anos. O terço deste ano é composto por mais de duas mil pétalas de rosas feitas de alumínio, tem 20 metros de comprimento e pesa uma média de 50 kg. É importante destacar também a iluminação que o terço terá para a programação noturna da festividade.

O terço gigante é um símbolo da Festa da Penha, que tem início neste domingo (1º). No primeiro dia de festividade estão programadas missas às 05h, 07h, 09h e 11h na Capela do Convento. Às 10h acontece a benção dos cavaleiros no Parque da Prainha, e ás 14h30, a abertura oficial, com o início do oitavário e Missa, no Campinho do Convento, sob responsabilidade da Área Pastoral de Vila Velha. A celebração serás presidida pelo arcebispo da Arquidiocese de Vitória, Dom Luiz Mancilha Vilela.

       

A Festa da Penha homenageia Nossa Senhora da Penha e chega a sua 447ª edição. Sua primeira edição aconteceu em 1570, com iniciativa do Frei Pedro Palácios, que também fundou o Convento. Dois dias após o encerramento, Pedro Palácios faleceu. Este ano, o evento acontece entre os dias 1º e 09 de abril e terá como tema "Virgem da Penha, minha alegria". Em sua programação estão incluídas 11 romarias, sendo as mais tradicionais a dos homens e das mulheres, além do oitavário, das missas e de apresentações culturais. São esperados mais de dois milhões de devotos em todos os dias da festa.

Comentários

Mais lidas

5º Festival de Música nas Escolas: votação aberta para decidir vencedores

Viradão Vitória: muita cultura e agito no Centro da capital capixaba

Destaque da cena musical capixaba, Solveris comanda show na SubTrópico

Auri e Zé Maholics mostram a força da cena autoral capixaba em Vitória