Pular para o conteúdo principal

Importância da catequização marca o início da Festa da Penha

O campinho do Convento da Penha, em Vila Velha, foi tomado por fiéis no último domingo (1º) na abertura oficial da 447ª Festa da Penha. O oitavário, comandado pelo guardião do Convento, Frei Paulo Pereira, 50, teve início por volta de 15 horas, seguido pela missa presidida pelo arcebispo de Vitória, Dom Luiz Mancilha Vilela, 75.

A abertura oficial marcou a primeira aparição da imagem original de Nossa Senhora da Penha na festa deste ano. (FOTO: Gustavo Andrade/OMMC)
Durante a missa, com destaque para a homilia, Dom Luiz falou da relevância do trabalho dos catequistas em evangelizar crianças, jovens e adultos. Segundo o arcebispo, todos podem ser catequistas. "Todos nós somos catequistas. Temos que passar a aquela pessoa que depende de nós que Jesus é o Senhor. Os catequistas oficiais têm que saber passar bem devagar a palavra e a importância da pessoa de Jesus, Aquele que dá sentido à nossa vida. E Nossa Senhora é a primeira catequizada e a primeira catequista", afirmou Vilela.

Para a catequista Nilça Antunes, 46, da Paróquia Santíssima Trindade, de Aribiri, a catequese é a aproximação do Senhor. "É levar as crianças a conhecerem Jesus, fazer com que eles se aproximem do Senhor. Que saboreiem Jesus, porque é quando você consegue entender o melhor do Senhor", disse Nilça.

          

Com relação ao tema, o Frei Augusto Luiz Gabriel, 23, da Província Franciscana, de São Paulo (SP), acredita que foi muito bem pensado e escolhido. "Acredito que o tema da Festa da Penha deste ano foi muito bem escolhido e definido. 'Virgem da Penha, minha alegria' é uma frase retirada do próprio Hino da Festa e que esta repleto de significado. Ao mesmo tempo em que cantamos o hino estamos também rezando e invocando a presença e a proteção da mãe da Penha", relata Gabriel.

Nesta segunda-feira (02) estão programadas missas às 06h, 07h e 09h30 na Capela do Convento. Ás 14h30 acontece o segundo dia do oitávario com Momento Devocional e Missa no Campinho do Convento, sob responsabilidade da Área Pastoral Serrana. No mesmo local, às 19h30, será realizada a "Noite Mariana: Cantando as Alegrias de Maria".

           

Comentários

Mais lidas

Capixabas participam de votação para se apresentar no Lollapalooza

Regional da Nair arrasta mais de 20 mil pessoas em Vitória

Carnaval em Vila Velha com shows e blocos em todas as regiões